Cais ou Da indiferença das embarcações no Centro Cultural Fiesp

Cais ou Da indiferença das embarcações

Estreia dia 30 de Julho no Centro Cultural Fiesp, o espetáculo Cais ou Da indiferença das embarcações, com entrada grátis.

Estreia dia 30 de Julho (quinta); até 23 de Agosto; Quintas, sextas e sábados, às 20h; Domingos, às 18h

O espetáculo em dois atos, com 12 atores e 2 músicos em cena, é uma narrativa de encontros e desencontros. A ação se desenrola num mítico cais de Ilha Grande em plena virada de ano. A plateia testemunha o desenrolar da história de três gerações de uma mesma família, vista a partir do olhar matreiro de um velho barco. O local representa o limite entre o mundo terrestre e o marítimo – do oceano majestoso que fustiga com suas ondas a costa, lapidando sua forma, interagindo e se integrando com as pessoas –, e também entre os universos interno e externo, influenciados pelo movimento das marés e das tempestades. Esse cais é feito de partidas e de chegadas, abrigo dos sonhos de quem parte e da esperança de quem fica.

Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso (SESI) (Paulista)
Avenida Paulista, 1313 (Cerqueira César)
Telefone: 3146-7405 / 3146-7406

Autoria e direção: Kiko Marques. Elenco: Alejandra Sampaio, Kiko Marques, Marcelo Diaz, Marcelo Laham, Marcelo Marotti, Marco Aurélio Campos, Maurício de Barros, Patrícia Gordo, Rose de Oliveira, Tatiana de Marca e Virgínia Buckowski. Participação especial: Walter Portella. Elenco stand-in: Paulo Olyva e Willians Mezzacapa.

Nayra Simões é estudante de Letras na Universidade de São Paulo, faz russo como segunda língua e é inicianda da Prof.ª Dr.ª. Verena Kewitz, estudando os Marcadores Discursivos sob o olhar da teoria Multissistêmica e quando sobra tempo pra respirar, estuda francês, espanhol, chinês e tcheco. É formada em violão popular e teoria musical, e se arrisca um pouco no teclado e ainda não conseguiu parar de rascunhar frases por aí. Não tem vergonha de tocar em público, mas morre se tiver que tocar pra uma só pessoa. Atualmente, é professora particular de inglês.

Leave a Reply